Loja..

27 janeiro, 2017

Artesanato & Profissionalização





Artesanato & Profissionalização
Esta semana li uma matéria que me fez refletir, dizia :
Setor que movimenta mais de R$ 50 bilhões ao ano ainda é informal e pouco lucrativo para artesãos"...
"Para Alice, o principal problema do artesanato brasileiro é estar sempre marginalizado. “Eles estão em feirinhas e não em lojas de shopping. Temos um problema de margem, preço e produtividade. O artesão é um ser criativo e não um ser gestor ou comercial. Ainda falta um pouco da mente empreendedora, já que eles gostam de produzir, mas não de vender”, diz Alice, que também comanda uma escola para ajudar a profissionalizar os artesãos".Aqui
Abrir a mente para o empreendedorismo é realmente fundamental quando se vive com conceitos do tipo "você sabe a quantos anos faço artesanato ????  ou aprendi com minha avó e ela fazia assim... Daí percebemos que infelizmente muitas de nós ainda está preso a métodos antigos e não conseguiu acompanhar o desenvolvimento cultural do artesanato em si.A técnica não mudou nem vai mudar porém as formas de se fazer o mesmo trabalho aprimorou muito,ainda bem,rsrsrs ,os clientes estão a cada dia mais criteriosas com relação ao acabamento,o que é muito elogiável. E o artesão precisa deixar sua zona de conforto para aprender a negociar seu produto sem vergonha de dizer que seu trabalho é artesanal que foi feito manualmente isso é motivo de orgulho e não de vergonha por que ser artesão é dom e muitos gostariam de ter esse dom mais não tem e seu trabalho tem sim muito valor.Vale tempo,esforço,habilidade e investimento.Então amigo artesão valorize o teu trabalho por que ele é especial e é especial por que é teu trabalho.
Elisia Barros